sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

0

ÉPOCAS

Sou arremedo de outra época
- o que me foi contado
  como verdade: sonhos
                   ilusões
                   grosseiras mentiras
             grotescamente transmitidas.

Arremedo e voz que ultrapassa
a coragem: voraz me apresento
na partilha
              e do deixado
              exijo o arremesso: ao largo
do tempo outra época me é cobrada:
          
           cada hora em dias da semana
               em mim as consquências
               em mim as doenças
                      e as curas repetitivas.

A figura do herói decomposto: homem comum
em vida no ato inopinado da leveza
com que a morte dita regras
em diferentes épocas.

(Pedro Du Bois, inédito)

Seja o primeiro a comentar: