terça-feira, 20 de agosto de 2013

0

A vida fenece

A lua aparece

O sol entristece
O vento cochila
No som que  vacila
Brilha a folha
No céu que acolhe
A gota que escorre
A flor que socorre
No tempo que oscila
E a vida fenece 



Seja o primeiro a comentar: